Eu odeio que a gente aprende a ignorar nossas utopias, desejos e sonhos (e vive os anos como se muitos deles nunca tivessem existido). Eu odeio o o estado de torpor que aprendemos a tolerar em troca de seguir graciosamente as convenções sociais. Eu odeio que a gente aprende a se…
Eu amo o verbo “aprender”. Ao mesmo tempo, percebo que ele foi capturado pela ensinagem, de tal modo que muita gente só acha que pode aprender se for…
Uma comunidade pobre com vários pontos de defecação pública (vulgo cocô a céu aberto). As pessoas já percebem que isso acontece, mas quase nada é feito…
Todos temos vidas ideais de estimação. Aquelas que iriam acontecer – finalmente – depois de sairmos do emprego chato, depois que os filhos crescerem…
Vencer um transtorno alimentar Me expressar artisticamente (desenho, canto, escrita etc) Ser um homem melhor Criar o meu próprio trabalho Encontrar a…
Substituindo o design a favor da massificação por um design a favor da conexão
Mas somente resultados previsíveis e limitados. E quando a intenção ou as necessidades mudam? E quanto o contexto muda? É muito comum aprender através…
Uma poderosa implicação da máxima "tudo é convite"
See all

Alex Bretas – Aprendendo Em Voz Alta